Wednesday, December 13, 2006

Arriscar é: escrever.

Hoje sabemos muitas coisas porque alguém arriscou escrever.
Escreveu a História e as histórias.
Escrevamos!

A escrita revela o nosso ser e leva-o através dos tempos e espaços.
A escrita gera uma corrente de vida.
A escrita sela uniões e pactos.
A escrita dá mais força a algo.
A escrita de um amigo encurta distâncias,
enche os olhos de lágrimas, o rosto de sorrisos,
o coração de esperança, mata as saudades.
A escrita de um amigo à mão, com erros,
com riscos...
enche a vida de vida!


P.S. É Natal quando me escrevem.

(P. Carlos Azevedo
Hospital D. Estefânia
Capelania
Rua Jacinta Marto
1169-045 Lisboa)

Arriscar é: nutrir-se

Hoje fala-se em toxicidade dos alimentos e das pessoas com quem nos relacionamos.  Na verdade, é que é fraca a qualidade da alimentação mas...