Friday, December 31, 2010

Arriscar é: seguir

Maria, mãe de Jesus e nossa mãe.
Nunca nos desamparas!
Neste tempo pedimos-te que nos mostres o caminho.
O teu e o de Jesus.
A fazer memória dos pormenores
que guardámos no coração e a fazer do simples,
do pequeno e do invisivel
alimento para a nossa alegria e esperança.
Ajuda-nos a lembrar sempre as superações que já
houveram na nossa vida.
Que a Paz de coração seja um tesouro
que defendamos a todo o custo
dos medos, dúvidas, ofensas...
Porque o amor tudo vence
até a morte.

Friday, December 24, 2010

Arriscar é: atitude

Cada figura do Presépio é uma interpelação.
Atitudes a admirar e seguir.
Maria na atenção aos pormenores.
José na mudança interior.
Jesus no Amor concreto.
Adoremos...

Monday, December 13, 2010

Arriscar é: despejar o saco

Uma das maneiras de ajudar mais
fáceis e baratas é ajudar os outros a
despejar o saco.
Quem o encha há muito.
Quem o ajude a despejar é que há pouco.
E anda tanta gente de saco cheio!
Dos pequenos aos grandes...
É necessário muito pouco.
Começa por se criar condições para a comunicação.
Por exemplo um lugar calmo sem TV, telemóvel,
e duas cadeiras...
Depois é deixar fluir a conversa sem interrupções
para conselhos ou desvalorizações do que se está
a despejar.
No fim dar um toque na conversa só se for pedido.
Pode-se selar com um abraço ou um simples sorriso.

Penso abrir candidaturas para despejadores de sacos.
Quem quer?
pcarlosazevedo@gmail.com

Saturday, December 11, 2010

Arriscar é: arrependimento

O arrependimento abre caminhos novos.
Já João Baptista apelava a tal para que se abri-se
um caminho para Jesus chegar até nós.

Este é um dos primeiros passos para um novo caminho.
E quando o novo significa melhor
não há outra maneira senão começar.

Thursday, December 09, 2010

Arriscar é: partilhar

Uma alegria não partilhada fica pequena.
Um sofrimento não partilhado fica enorme.

... e o natal é tempo de partilha...

Friday, December 03, 2010

Arriscar é: consertar as redes

Uma das competencias daqueles que Jesus chama
deve ser a de saber consertar redes.
Assim eram dois dos primeiros: Tiago e João.
Neste tempo é preciosa esta capacidade.
Serve para o próprio cuidar das suas
e para dar uma mãozinha aos que necessitam
de ver as suas redes familiares e de amigos bem unidas.

Arriscar é: fragilidade

Deus permite a nossa fragilidade para entendermos as fragilidades como um caminho para a humildade. Em Jesus a grandeza e humildade caminh...