Monday, April 28, 2008

Arriscar é: receber bem

Quando os discípulos ouviam dizer que em algum lugar,
os seus habitantes tinham recebido a Palavra de Deus eles faziam festa.
Imaginavam logo as maravilhas que iam acontecer a seguir.
Os milagres do Amor a acontecerem.
Gente a converter-se e ganhar mais jeito na sua vida.
Gente mais atenta aos outros mais necessitados.
Gente menos aflita e menos sozinha.
Gente menos temerosa em acreditar e dar razões da sua fé.
Gente a falar do que vale e a denunciar o que não vale.
Gente mais cheia de paz porque achou o verdadeiro sentido da vida.
Gente mais alegre porque descobriu a alegria de dar.
Gente mais realizada porque preocupada com o ser e não tanto com o ter.
Gente mais livre, simples e próxima.
Gente de Cristo.

Friday, April 18, 2008

Arriscar é: fazer o Caminho


Eu posso andar por becos e atalhos como quem procura,
mas já sei por onde é o Caminho.
Melhor, eu já sei Quem é, de verdade, o Caminho da minha vida.
É uma felicidade já ter encontrado ou ter sido encontrado por Ele.
Sei onde Ele me leva e,
se já não preciso de O descobrir,
devo conhece-Lo mais a fundo para me desviar o menos possível,
e com isso não perder o tempo que me é dado
para o percorrer como um presente.
É que temos um tempo para percorrer o caminho
e ir o mais fundo, alto e mais próximo…

Tuesday, April 15, 2008

Arriscar é: saber receber

Num tempo em que a motivação das pessoas anda tão em baixo para o essencial
é importante lembrar que para se dar é importante ter recebido.
O imediato toma conta das nossas vidas interessando apenas o que nos trás proveito já.
É necessário investir a mais longo prazo.
Sem isso a motivação esgota-se depressa e os caminhos são interrompidos mesmo antes de chegarem ao seu meio.
Nos diferentes papeis da nossa vida e nas diferentes etapas pelas quais vamos passar
há situações que são previsíveis mas para as quais nos preparamos tão pouco e tão mal.
E somos apanhados de surpresa portando-nos como ignorantes, ingénuos e primários.
Perde-se muitas vezes todo o caminho percorrido e toda a dignidade alcançada porque não estávamos à espera ou seja, preparados.
A primeira fase da vida deve ser preenchida em receber e bem, nomeadamente formação, conteúdos.
E ao longo do caminho deve haver afinações que nos permitam entrar preparados em cada momento, etapa ou fase.
Quanto tempo nos preparamos para ser esposos, pais, sogros, genros, ou reformados?

Friday, April 11, 2008

Arriscar é: ser democrata


Umas das coisas que aprendi a apreciar na democracia
é a capacidade de pensar e dizer diferente
sem por isso anular ou ser anulado.
O respeito pela diferença de opiniões,
mesmo quando elas não coincidem,
é algo que deve existir a vários níveis.
Desde a família, ás amizades, aos países, ás Igrejas…
Valorizar o comum mas aceitar que os outros
tenham algo além do que nós achamos que eles devem ser,
é sinal de maturidade.
Os igualitarismos são perigosos pelo que destroem
o que vai para lá dos seus limites.
Admiro os verdadeiros democratas
que conseguem coexistir com a diferença sem recurso
a extremismos inquisitoriais ou ditatoriais.

Friday, April 04, 2008

Arriscar é: não ao activismo

Muitas pessoas que fazem o bem
esquecem-se de rezar antes e depois.
Antes para pedir a bênção. Depois para agradecer.
A diferença entre os que rezam e os que não o fazem é o resultado
e os frutos.
As que não rezam acabam só cansadas.
As que rezam acabam cansadas e felizes.

Arriscar é: perceber

Percebemos que tem futuro não quando tudo corre bem  mas quando nos chateamos mas não queremos ir embora.