Friday, December 04, 2009

arriscar é: detectar vulnerabilidades

Por vezes andamos atrás das pessoas


a impingir-lhes aquilo que achamos ser melhor para elas.


Uma boa abordagem e rentabilização das nossas energias


passa pelo dialogo e um estudo da situação que nos permita


perceber quais os deficits ou as vulnerabilidades.


As nossas vulnerabilidades podem ser momentâneas ou crónicas.


Tentar erradicá-las ou minimiza-las é o que se segue.


Uma boa conversa ajuda a arrumar o problema e


por vezes resolve logo 50% dele.


E se esse trabalho é for difícil viremo-nos


para os potenciais das pessoas e famílias


e não para as vulnerabilidades.


Vai valer a pena!

Arriscar é: nutrir-se

Hoje fala-se em toxicidade dos alimentos e das pessoas com quem nos relacionamos.  Na verdade, é que é fraca a qualidade da alimentação mas...