Monday, September 28, 2009

Arriscar é: amar o tempo

Na eternidade o tempo e o espaço desaparecem.
Pelo menos como os entendemos agora.
Mas, ao que parece não se chega lá
sem se amar bem este tempo e espaço.
Cada coisa no seu lugar para que tudo faça parte.
Eu quero amar mais o tempo. Todo o tempo.
E respeitá-lo como algo que me é dado. Um presente.
E é assim que se chama ao hoje e agora, o presente.

Arriscar é: sabedoria e conversão

Os sinais de Deus desafiam-nos à sabedoria e à conversão. Aprender e mudar de vida em termos pessoais, familiares, profissionais e muito em...